Roubo de celular: 1 em cada 3 paulistanos já teve aparelho levado por criminosos, diz Datafolha

Roubo de celular: 1 em cada 3 paulistanos já teve aparelho levado por criminosos, diz Datafolha


Um em cada três moradores da cidade de São Paulo (cerca de 35%) já teve o celular roubado, segundo pesquisa realizada pelo Datafolha. Dessas, 16% foram vítimas mais de uma vez. O levantamento foi realizado no início de março e ouviu 1.090 pessoas. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa indica que os principais alvos são pessoas entre 25 e 34 anos, que representam 51% das vítimas. Além disso, 40% das vítimas possuem renda entre R$ 7 mil e R$ 14,1 mil, equivalente à faixa entre cinco e dez salários mínimos.

O centro da cidade é o local com maior índice de roubos de celular, com 45% dos moradores já tendo sido vítimas.

Já nas zonas oeste e leste o percentual cai para 38%. Na zona sul, fica em 35%. A região norte da capital é a menos afetada e registrou 27% entre todas as ocorrências.

Gangue da bike

A chamada gangue da bike atua principalmente no centro da cidade, roubando pedestres e motoristas distraídos, especialmente aqueles com os vidros do carro abertos.

No centro, 26% dos entrevistados relataram ter tido o celular roubado por um ciclista. Na zona sul, esse número cai para 14%.

O principal alvo dos criminosos são as mulheres, com 22% das entrevistadas relatando terem seus celulares roubados, enquanto 14% dos homens foram vítimas do crime.

A CNN procurou a Secretaria da Segurança Pública para comentar os dados, mas ainda não obteve retorno.

* Sob supervisão



Fonte de Dados: CNN BRASIL

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Topo